Elaboração de projetos culturais, palestras, oficinas, curso, animação de aniversários infantis.

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Contribuição ao Sociedade Ativa

A convite do parceiro Ricardo Adriano, passo a integrar a equipe do Blog Sociedade Ativa (www.sociedadeativa.net) , na qualidade de colaborador.

Procurarei em expressar em assunto de interesses sociais que não estão nas grande mídias, principalmente no desenvolvimento da cultura regional e assuntos dos fatos políticos de Janduís.

Grato pelo convite!


Berg Bezerra

Artistas Reagem a Convite da FUNCULT pra Paixão de Cristo 2014

Espetáculo acontece há 14 anos na cidade
A Fundação Cultural de Janduís andou divulgando em carro de som, há uma semana atrás, convite pros artistas participarem do espetáculo “A Paixão de Cristo 2014”. Tão rápido foi a reação contrária dos que sempre fizeram o espetáculo na cidade.

Pelas colocações em redes sociais e opinião momentânea dos artistas é que os próprios possam realizar um trabalho que já fazem desde 1999. Isso porque a FUNCULT fechou as portas pra todos após parceria de 4 meses realizada com seguimentos no início de 2013.

Entre maio e dezembro de 2013 não houve se quer uma reunião com artistas ou qualquer ação que beneficie a classe. Ainda, espaços públicos, transporte e o básico são negados para o desenvolvimento da cultura local.


Espero que essa reação seja mantida e que o Poder enxergue que quem faz cultura é o povo. O Poder Público deve apenas fomentar.

Promessas de Campanha São Esquecidas em Janduís

Durante o ano de 2013 analisei atentamente as iniciativas da turma da atual administração em relação aos “avanços” prometidos para todos os setores dos serviços públicos municipais.

Ainda não vi algo sobre escopadeira, fábrica de sabão, incentivo ao cultivo de frutas de oiticicas, fabrica de tempero completo, cultura com dignidade, 10 médicos atendendo no hospital, ambulância pra zona rural... Não vi, nem ouvi absolutamente nada.

Agora se perguntar como anda Janduís é só visualizar o sistema educação, os buracos nas ruas, as obras deixadas sem cuidados algum, a inoperância da Fundação de Cultura e muito mais que tem ocorrido de negativo.


A turma da administração ainda resta com 3 anos pra fechar um dos piores ciclos da política local dos últimos 50 anos na cidade. Acho que bandas na rua e o personagem do Papai Noel não serão suficientes pra sanar tanta demanda.

Janduís Conta Com Três Blocos Políticos Atuais

Vereador Fábio Dantas (PSD) declarou oposição ao Sistema
O município de Janduís conta atualmente com três blocos políticos atuantes no cenário municipal. Existe o bloco da situação composto por familiares, parentes e um pessoal ligado ao PROS, atual partido da prefeita e hospeda três vereadores e PSDB, com um vereador.

O segundo bloco comporta o ex-prefeito Salomão Gurgel, ex-prefeito Zé Bezerra, o Partido dos Trabalhadores com a militância e três vereadores e o PRB, com o vereador presidente da Câmara Municipal.

O terceiro bloco é comporto pelo vice-prefeito João Neto (PMDB), ex-prefeito Chico Tampa, vereador Fábio Dantas (PSD) e toda uma equipe ligada aos dois partidos que apoiou e trabalhou pra eleição da turma da Administração.

O cenário em 2014 na Câmara Municipal já é de maioria de vereadores de oposição. A oposição havia perdido um vereador pra situação no início do ano, e agora, com o anúncio de Fábio Dantas, próximo presidente da Câmara, volta a ser maioria.


O recado pra Chefe do Executivo foi dado pela Câmara Municipal e pela opinião pública, resta aguardar as emoções de 2014.

Péssima Avaliação da Administração Municipal em Janduís é Reflexo dá Má Administração.

O final de 2013 vem sendo duro pra turma da administração municipal em relação à aceitação popular. Em menos de um ano, a atual prefeita perdeu o apoio do vice-prefeito João Neto (PMDB) e do vereador Fábio Dantas (PSD).

Além desses citados, outro bloco composto por professores, lideranças sindicais e jovens deixaram a administração que se fechou para o diálogo. Perseguições a artistas, descumprimento de leis, vista grossa pros direitos dos professores, péssima estrutura da cidade, péssimo serviço de saúde pesam na avaliação da turma do PSDB.


Aos pouco vão sobrando familiares e alguns babões de carteirinha e de carreira. Esses se diferenciam de aliados porque estão sempre servindo bem e balançando a cabeça pros interesses pessoais absurdos instalados em Janduís.

Prefeita de Janduís Fecha 2013 com 82% de Reprovação

Fotocópia do blog da Prefeitura de Janduís
Segundo enquete realizada pelo blog da Prefeitura de Janduís (www.prefeituradejanduis.blogspot.com) 82% da população reprovam o primeiro ano de governo da turma do PSDB.

Apenas 18% acham que a atual administração é ótima, boa ou razoável. E esse reflexo é apenas de um número bem pequeno de pessoas que acessam a internet, partindo pra opinião da população esse número pode aumentar.


A prefeita de Janduís que ganhou as últimas eleições com um discurso de mudança e que realizaria uma administração ouvindo o povo, vem perdendo aliados importantes. E outro detalhe é que não consegue atrair novos apoiadores de peso

.

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Permanência na Assessoria Cultural em Jardim de Piranhas

Secretária de Educação e Cultura Àlia Eine, Gilson Matias e prefeito Elídio Queiroz
O trabalho desenvolvido no município de Jardim de Piranhas/RN, entre março e dezembro de 2013, como Assessor Cultural,  tem surtido efeito importantes em minha vida pessoal.

Foram inúmeros trabalhos de articulação e implantação de leis importantes para o município. Apresentado a cidade pelo jornalista Jotta Paiva, conheci outras pessoas as quais juntamos forças como Joãozinho Dutra, Ália Eine e o prefeito Elídio Queiroz.

No decorrer de 2013, os laços de amizades foram crescendo nos juntamos pelo trabalho a Ligiane Medeiros, Gracinha, Geína, Toinho, Édna, Zezé Queiroz e Diassis Silva. Não esquecendo as amizades de Isaac, Helenide e o mestre Galeguinho.


Assim, devo permanecer por mais um ano na Assessoria Cultural de Jardim de Piranhas/RN. Recebi a notícia pela Secretária Municipal de Educação e Cultura, Ália Eine Queiroz. Lá vamos nós.

Avançamos no Setor Cultural em Martins/RN.

O ano de 2013 também foi significativo no trabalho de Assessoria Cultural também em Martins/RN.
Momento da II Conferência Municipal de Cultura 
Levamos o Grupo Culturarte a pontuar com mais espetáculos dentro e fora da cidade; O município aderiu ao Sistema Nacional de Cultura e diante disso foi criado o Conselho Municipal de Política Cultural, Fundo Municipal de Cultura e realizada a II Conferência Municipal de Cultura.

Os próximos passos agora serão criar a Secretaria Municipal de Cultura, Plano de Cultura, Sistema de Informações e Sistema Municipal de Cultura.

Grupo Culturarte cria agenda própria em Martins
Oficinas, participações em eventos, articulações e representações foram feitas em nome da cidade em várias ocasiões. Devo voltar a conversar a prefeita Olga Fernandes, após o dia 10 de janeiro de 2014.


Campo Grande nos Passos do SNC

Prefeito Bibi de Nenca está criando leis de cultura
Convidado em agosto de 2013, pelo prefeito Bibi de Nenca pra cuidar do passo a passo do Sistema Nacional de Cultura, em Campo Grande/RN, concluímos o ano com meio caminho andado.

O município fez adesão ao Sistema Nacional de Cultura e aguarda publicação no DOU para efetivação e envio do Plano de Trabalho. Contudo, foi realizada sua II Conferência Municipal de Cultura e renovado o Conselho Municipal de Política Cultural.

A ideia é que após o recesso da Câmara Municipal, Campo Grande já possa ter seu Plano Municipal de Cultura e Sistema Municipal de Informações e Indicadores Culturais.


Devo voltar à cidade em janeiro para os encaminhamentos que não forma possíveis em 2013 e assim repassar os próximos passos das leis do SNC.

quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Voltando Ativa no Blog

Nos próximos dias devo voltar a escrever neste espaço que nos últimos meses tem perdido espaço pra várias novas tecnologias de comunicação e interação social.

A praticidade do Twitter (www.twitter.com/bergbezerra) e do Facebook (www.facebook.com/bergbezerra) e também a dedicação ao blog da Cia. Ciranduís (www.ciranduis.blogspot.com) tomaram um pouco de tempo.

Na volta, deve escrever sobre política, cultura, artes, cidadania. Assuntos que interessem a um público que é acostumado a ler boas notícias.

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Passos Significativos na Organização Cultural em Jardim de Piranhas

Convidado pra fazer uma assessoria cultural no município de Jardim de Piranhas/RN, em março deste ano, tomei gosto pelo município e estamos com avanços significativos na institucionalização da cultura.

O município é um dos 85 do Rio Grande do Norte inserido no Sistema Nacional de Cultura e caminha em passos largos pro avanços necessários.

Já foi criado este ano o Conselho Municipal de Política Cultura, realizado sua 2ª Conferência de Cultura com grande êxito e já estamos em estudo para criação do Sistema Municipal de Cultura e Fundo Municipal de Cultura.

O diferencial, é que há abertura muito grande por parte do prefeito Elídio Queiroz e equipe, no sentido de querer ver o município se desenvolver para o alcance de todos.


Revirando o Baú das Conferências

Entre o final de 2011 e início de 2012, estive em algumas conferências municipais de cultura como expositor das idéias centrais.

Começamos por Janduís, depois Caraúbas, Messias Targino, Alexandria, Campo Grande e fechamos com a participação na conferência regional, em Mossoró.

Pena que o Estado do Rio Grande do Norte nã0 realizou sua terceira conferência em 2012. A última conferência estadual foi em 2009, quando deveria ser pelo menos a cada dois anos.

Janduís

Mossoró

Campo Grande

quarta-feira, 31 de julho de 2013

Seminário do PT em Janduís


Janduís vai realizar sua Conferência de Cultura

O município de Janduís vai realizar sua 2ª Conferência Municipal de Cultura, dia 09 de agosto, de acordo com publicação do Diário Oficial, em 29 de julho de 2013.

Ao mesmo tempo em que vi a publicação, fiquei me interrogando, sobre o que poderá sair de tal conferência. Isso porque há um processo de desconstrução dos valores culturais pela atual administração, fingindo ta apoiando a cultura, de maneira que se engatinha um modelo ultrapassado e desrespeitoso.

O município já conta com o Plano Municipal de Cultura, Fundo Municipal, Sistema de Indicadores e Informações Culturais, só que apenas no papel. No momento sem nenhuma notícia do que rola nos planos do Governo Municipal.

Como tenho me expressado em momentos anteriores, torço pra que as coisas aconteçam de verdade, embora façam de maneira excludente comigo, pela minha posição política muito clara. O município não pode retroceder, é necessário avanços significativos e que aconteça com todos e para todos.

Não tenho ressentimentos, desejo de participar de ações do governo, até porque o momento é das pessoas que estão no projeto atual são as que estão com a responsabilidade de fazer melhor do que o que já se fez até antes.

Contudo, na qualidade de cidadão e artista continuarei fazendo o meu papel, de forma pacífica e ordeira.

Espero de verdade que ao final dessa Gestão ainda sobre esperança em nosso povo pra recomeçar, já que até aqui não se vê sinais vitais de ações voltadas pro povo em geral.

Registros de Conferências de Cultura 2013

Acredito que tenha contribuído até aqui com o processo de construção de uma política de Estado e os Desafios do Sistema Municipal de Cultura, como bem está apontando as conferências municipais de cultura 2013.


Algumas cidades percorridas em julho.
Caraúbas/RN

Jardim de Piranhas/RN

Frutuoso Gomes/RN

Messias Targino/RN

Discussão do Plano Estadual de Cultura

A Secretaria Extraordinária de Cultura do Rio Grande do Norte reuniu artistas e produtores pra apresentar o Plano Estadual de Cultura e falar sobre a implantação dos Sistemas Municipais de Cultura.

Com agenda comprometida de última hora, não pude estar presente. Contudo, participei de quase todos os momentos de construção do Plano Estadual de Cultura e o desejo que realmente seja uma lei que não sirva apenas pra se cumprir um ritual nacional.

Almejo o fim dos editais, pois acredito que com um mapeamento bem feito será possível detectar onde as ações de cultura pulsam nesse estado. “E de tal” já ganhamos uns 10 do Estado e se recebemos foi uns 3.


Mudanças culturais significativas no Rio Grande do Norte serão possíveis, quando os velhos modelos de gestão centralizada sumirem e as ações de quem produz falarem por si.

Uma Voz Clama por Paz

“Janduís, Janduís...
Uma cidade tão pequena
Com problemas de um país”
(Ray Lima)

É lamentável o fato da violência em Janduís aumentar de forma desenfreada, atingindo qualquer um que passa. Se já não bastasse a dor pela perda de amigos, vizinhos, conhecidos próximos, convivemos agora com a falta de paz em nossos lares.

Carros abandonados são encontrados quase toda semana, assaltos, furtos, crianças sendo cooptadas pelo crime, além de objetos do povo trabalhador sendo tomados ao nascer do sol. E ainda, tiros pelas ruas mais afastadas noite a noite.



Muito já falamos e nada temos em reposta da Justiça. O Poder nem se fala, esse é que se omite diante da situação: O pequeno diz que o problema é do meio, enquanto o meio joga pro grande. Enquanto isso, ficamos só nos rios das lamentações.

domingo, 7 de julho de 2013

Conferências de Cultura à Vista

Vários municípios do Rio Grande do Norte já tem suas conferências municipais agendadas e outros já executaram, como é o caso de Caraúbas, que realizou a sua dia 05 de julho, às 08h, na Casa de Cultura Manoel do Violão.

Estamos em contato com algumas cidades e deveremos fazer o debate sobre o tema deste ano que é “Uma Política de Estado pra Cultura: Desafios do Sistema Municipal de Cultura”. O prazo final é até dia 05 de agosto de 2013.

Em Jardim de Piranhas será dia 19 de julho e nos demais municípios como Messias Targino, Felipe Guerra e Martins, há um aceno pra possamos contribuir com um momento importante.


No município de Janduís, os artistas esperam muito pela realização da Conferência, que segundo informações extra oficiais, será no primeira semana de agosto. Será um momento pra muitos esclarecimentos da gestão, uma vez que não está havendo diálogo com a cultura local.

Judas Também Comenta

Vi um comentário de um certo “Judas” repudiando as manifestações populares. Até aí tudo bem, é uma questão legítima. Ao mesmo tempo, o falso moralista, se mostrava preocupado com possível assedio de pessoas  pra entrar no “desgoverno” de Janduís.

Acredito que de tanto enganar gestões de Janduís, tal figura queira mostrar fidelidade política, quando na verdade, perdeu a moral e não se sabe de certo que rumo terá.


E uma coisa é mais que correta, gestão se faz com eficiência e equipe de confiança no primeiro plano. Natural. Agora, sem equipe e sem diálogo com os campos só vai crescer como rabo de cavalo: pra baixo.

Leis de Cultura que Não se Cumprem

No ano de 2012 o município de Janduís foi destaque pelas discussões na área cultural e nos avanços construindo com muita luta ao longo dos anos.

Mesmo em fase de institucionalização Sistema Nacional de Cultura, por parte do Governo Federal, Janduís aderiu ao modelo e já criou Conselho de Cultura, órgão próprio que é a Fundação Cultural e seguiu avançando.

Ainda, foi aprovado o Fundo Municipal de Cultura, com repasses de 1% pra cultura local, Sistema de Informações e Indicadores Culturais e o Plano Municipal de Cultura. As leis aprovadas pela Câmara Municipal em 2012 estão adormecidas.

Não se houve em repasses de até 3% pra Fundação de Cultura e não se houve falar nos repasses do Fundo Municipal de Cultura. O órgão da Cultura de Janduís não tem se pronunciado publicamente em relação ao caso, ou se quer, chamado à classe artística pra debater sobre tal.


Fica uma dúvida no ar, será que Janduís vai conviver em toda sua história com o sentimento mesquinho e politiqueiro de quem usa o Poder pra tentar se vingar das ideias contrárias? Até quando tudo ficará como está e impune?

A Decadência das Festas Juninas em Janduís

As festas Juninas de Janduís em 2013 foi um fiasco. Nada de novo se viu, a não ser a diminuição de eventos importantes que ganharam ritmos ao longo dos tempos.

O pov0 não viu a Quadrilha Minervino Matias, o Festival de Quadrilhas Mestre Dadá que reunia a cada ano pelo menos 10 cidades da região; Faltou empolgação do povo pra realizar seus arrias de ruas.

Ainda teve quem realizasse pra tentar manter o ritmo que é da comunidade, mas, a ignorância política dos pequenos gestores foi ao cúmulo na tentativa de atrapalhar a festa do povo.

O “Arraiá de Todos Nós” realizado pela Ciranduís e premiado pelo Governo do Estado em 2012, copiado pela "Gestão", não teve a mesma consistência do regional, e autentico forró de pé de serra.


E continuo a dizer, quem não tem competência moral pra assumir funções que não são prioridades na rotina de trabalho, vira escravo de si mesmo. E olhe, tem gente bajulando muito bem pra se manter de qualquer jeito.

Manifestação Pacífica em Janduís

Cartaz clamando pelos direitos dos professores
A comunidade janduiense foi ás ruas de Janduís, no último dia 29 de junho, cobrar eficiência no serviço público, de maneiro geral.

Cobranças em níveis federal e estadual estiveram em pauta, assim como, em nível de município onde a insatisfação com a gestão que assumiu há apenas seis meses,  é alarmante.

Muitos foram às ruas, outros apenas apoiaram de fora. E pela primeira vez, Janduís fez um protesto sem líderes políticos ou partidos. 

O Município parte pra um caminho super importante, onde quem ousar repetir esse modelo de gestão instalado há tão pouco tempo, vai ouvir as vozes que não se calam.


sábado, 29 de junho de 2013

Janduís Vai às Ruas

Juventude, Sociedade civil e funcionários públicos de Janduís realizarão a primeira caminhada de manifestação e protesto contra o poder público na história do município, o ato será sábado, dia 29, e constará de uma caminhada pacífica pelas principais ruas da cidade, saindo ás 16hs de frente ao Módulo Esportivo.

O coordenador do movimento “Acorda Janduís” o jovem e professor Adriano Oliveira, afirma que já comunicou ao Ministério Público a realização da caminhada, e solicitou parceria da Policia Militar no sentido de garantir a segurança das famílias que irão participar do momento, que será um ato histórico e de paz, solicitando ainda que todos os manifestantes compareçam vestindo branco, pois se trata de um movimento organizado por populares e diversas categorias, insatisfeitos com os serviços e gerenciamento público em nível de Estado, Município e Nação, sem nenhuma ligação partidária ou de lideranças políticas.

Vários segmentos se reuniram durante a semana para elaborar as pautas de reivindicações, documento que será entregue as autoridades, existe também a possibilidade da formação de um fórum de debate permanente, com o intuito de permanecer a cobrança e discussão das citadas reivindicações.

SEGUE ABAIXO PAUTA COMPLETA DE REIVINDICAÇÕES.

CULTURA
·         Cumprimento das leis de fomento e incentivo a cultura
·         Mais atuação da Fundação Municipal de Cultura
·         Pagamento dos editais e prêmios de cultura ganhos através da Fundação José Augusto
·         Respeito e valorização aos grupos e artistas culturais locais por parte da administração municipal

SAÚDE
·         Mais médicos no hospital e posto de saúde
·         Reativação do posto de Saúde da Permissão
·         Contração de mais médicos e aquisição de equipamentos para a saúde de município
·         Maior atenção e investimento para os pacientes com Câncer
·         Liberação dos recursos bloqueados pelo Governo do Estado para ampliação do Hospital Maria Cristina Maia
·         Volta do beneficio de adicional de insalubridade no salário dos funcionários da saúde
·         Alimentação de qualidade no HMCM.
·         Volta do adicional noturno no salário dos funcionários da saúde

SEGURANÇA
·         Volta da Delegacia de Policia Civil no município
·         Maior efetivo da Polícia Militar no município
·         Melhora na infraestrutura dos nossos policiais militares


EDUCAÇÃO
·         Devolução do dinheiro tirado dos professores pela Prefeitura Municipal nos primeiros meses de gestão
·         Volta do salário família no salário dos funcionários da educação
·         Melhora na estrutura física das escolas
·         Elaboração de um plano de gestão para melhora do IDEB do município
·         Pagamento dos salários dos meses de novembro, dezembro e décimo terceiro salário de alguns funcionários da educação.
·         Por 10% do PIB para a educação
·         Por 100% dos Royalties do petróleo para a educação
·         Cumprimento do PISO e do plano de cargos e carreira dos funcionários da educação
·         Mais eficiência na execução dos projetos e programas da educação


UNIVERSITÁRIOS
·         Transporte direto para a cidade de Caraúbas
·         Mais respeito e atenção com o transporte universitário para Assú, Caraúbas e Patu.
·         Elaboração de projetos de incentivo e motivação para os universitários que residem em Janduís, assim como para os que residem fora do município.
·         Processos seletivos dignos para acesso aos projetos e programas da educação (Como MAIS EDUCAÇÃO, MAIS CULTURA NA ESCOLA, PETI, PROJOVEM, ETC).
·         Pela prioridade aos universitários na contratação dos programas do governo
·         Respeito aos acordos de compromisso firmado com alguns universitários para execução de projetos em 2013 (Como o MAIS EDUCAÇÃO).
·         Organização de projetos de incentivo ao estudo e cursinhos comunitários de preparação para concursos e vestibulares.
ESPORTE
·         Retorno da obra de reforma do Módulo Esportivo
·         Aquisição de material de esporte para o Módulo Esportivo
·         Presença permanente dos funcionários do Módulo Esportivo durante o horário de expediente
·         Realização de atividades de apoio, difusão e incentivo ao esporte e lazer.
GERAÇÃO DE EMPREGO E RENDA

·         Mais qualificação da equipe administrativa local para que assim não percamos mais importantes projetos convênios que gerariam emprego e renda.
·         Suspensão da Lei que permite a Prefeitura Municipal contratar sem realização de processo seletivo ou Concurso Público.
·         Maior efetivo de funcionários da limpeza pública.
·         Retorno das diversas obras deixadas na administração anterior e que gerarão emprego e renda.

REIVINDICAÇÕES DIVERSAS
·         Um governo para todos, com respeito às opções individuais.
·         Reorganização dos Conselhos Municipais
·         Reativação do CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e Adolescentes)
·         Democracia
·         Liberdade de expressão
·         Pelo fim da perseguição política

Movimento Acorda Janduís

domingo, 2 de junho de 2013

Comportamento Escolar Estranho

Professor J.Rhuann, nossa referência cultural
A Escola Municipal Professor Aluízio Gurgel, em Janduís, tem sido uma das escolas referencia no município, pelo apoio a arte, formação cultural e de maior expressão de liberdade.

Cito, porque foi na mencionada Escola que surgiram a Cia. Ciranduís, a Cia. Brincantes do Sertão e sem dúvidas, as semanas culturais foram de suma importância para o ingresso da vida artística na cidade.

Em recente participação do Professor J. Rhuann ao Festival dos Inhamuns, a Direção aplicou complementar e não aceitou um substituto deixado por ele, prática natural entre os demais funcionários da Escola.

Não se sabe o que se passa de fato com a atual direção da Escola. Mesmo assim, diante das adversidades política legitimas, não deixamos de reconhecer a importância da escola, embora não esteja no seu melhor momento administrativo.

Que fique aqui uma reflexão sobre o fato. E a quem me refiro, o professor J. Rhuann, não um funcionário qualquer. Sabendo da mesma importância que todo o corpo da Escola, foi é J.Rhuann, um dos responsáveis pela revolução cultural da cidade.


A Voz que Ecoa da Comunidade

Na Alemanha Nazista, o poeta Bertolt Brecht, teve um marco importante com suas poesias reflexivas e seu grito de luta silenciosa, mas, abrangente através da escrita.

A força da arte conclamava o povo para uma revolução discutida por poucos, que custou a Brecht, exílio da Alemanha, sob acusação de subversão ao Ditador Hitler. Os Nazistas caçavam a esquerda e a quem eles considerasse opositores.

Tudo bem, essa menção a um fato histórico ocorrido entre 1933 e 1945, na Alemanha. Ainda assim, trazemos pras reflexões dos dias atuais, claro são diferentes, mas, muito parecidos em algumas situações.

O Brasil, que prega ser um país democrático em suas escolas, ainda lida com as amarras do voto obrigatório, impunidade, corrupção e as leis fragilizadas. Um país que ganhou respeito mundial e que inda suporta políticos doentes de maleita.

Para tanto, liberdade de expressão aos artistas, liberdade de espaços públicos e outras entranhas, precisam chegar as capitais e as cidades dos interiores nordestinos. O Brasil precisa avançar por completo, a começar pelas escolhas individuais.


Atividade Partidária – PT

Mesa diretória da reunião
O Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores – PT, realizou reunião neste domingo, 2, às 09h, na sede, à Rua Vicente Gurgel, em Janduís/RN.

Em pauta, discussão sobre conjuntura política local e encaminhamentos dos mandatos do partido na Câmara Municipal, ora representados por Braga, Arthur Barbosa e Lázara Maia.

Ainda, foi lida a resolução 003/2013 que trata da expulsão do vereador Ivamar Paiva, eleito pelo partido em 2012, mas, que debandou-se pra fileiras da administração do PSDB.


A reunião foi conduzida pelo presidente Almeida Neto e contou com a presença do ex-prefeito Salomão Gurgel e convidados de honra do partido.

quinta-feira, 30 de maio de 2013

Renovado de mais um Grande Festival

Parada em Marizópolis/PB
O VII Festival de Arneiroz/CE é uma das maiores intervenções culturais do Brasil. Encravado no sertão dos Inhamuns, o evento é uma prova forte da resistência do Arte Jucá. Um grupo que só pensa no bem da comunidade e enfrenta a feroz megalomania do Poder Público.
Almoço em Antonina do Norte/CE
Diante de todas as discussões políticas e sociais presenciadas, volto mais forte, renovado e com mais sede de fazer mais no campo das artes públicas de rua. E nos debates, desejaria que os nossos algozes, ainda mesmo os que beberam de nossa água e desejam nosso fim, estivessem presentes.
Cortejo em Arneiroz/CE
Há uma diversidade cultural muito rica, sem contar na própria experiência coletiva com os companheiros de trabalho durante os dias de convivência. É um espaço totalmente puro e encantador por cada ativista que encontramos resistindo no mundo a fora.
Roda de conversa com Amir Haddad
 O período de 24 a 28 de maio, me fez refletir sobre tudo que conseguimos realizar, ainda assim, renova-se os conceitos e entra na luta de cabeça erguida e com a mesma certeza que o que fazemos é mais sólido do que qualquer nuvem passageira que tenta abolir os espaços do povo. O rumo continua o mesmo e mais promissor.